Compartilhe

VÍDEO: família de Shaolin revela famosos que ajudaram em tratamento do humorista após acidente

Por Diário do Nordeste    Segunda-Feira, 13 de Novembro de 2023


Lucas Veloso e Laudicéia, o filho e a esposa de Shaolin, respectivamente, relataram alguns nomes das pessoas que ajudaram o humorista após o acidente que ele sofreu e durante seu tratamento. Em vídeo publicado no Instagram, no sábado (11), o rapaz citou famosos como Faustão, Joelma, Leonardo, além de amigos anônimos. 

Eles contribuíram, de diferentes maneiras, após a trágica colisão, em 2011, que deixou o artista acamado. O filho do comediante destacou que o ex-governador da Paraíba, Cássio Cunha Lima, foi "a pessoa de Cássio e não o político que ajudou Shaolin". Também foram mencionados o empresário Roberto Santiago e outros donos de negócios da Paraíba. 

Ainda segundo Lucas Veloso, o apresentador Rafinha Bastos dedicou a arrecadação de um show inteiro em Campina Grande em doação a Shaolin. Outro a ajudar foi o sertanejo Leonardo que, segundo a família Veloso, pegou avião e foi a Campina Grande para conversar com o artista. "Leonardo é um ser humano absurdo.

Ele pagou a UTI aérea para Shaolin voltar para casa. Na época, custou R$ 140 mil", completou Laudiceia Veloso. Lucas lembrou que a Record manteve o contrato de Shaolin, o que também ajudava a pagar o seu tratamento. Outros nomes também foram citados: os apresentadores Tom Cavalcante e Ana Hickmann. 

Relembre

Shaolin sofreu um acidente em 18 de janeiro de 2011 na rodovia federal BR-230, em Campina Grande. No mesmo dia, foi socorrido e internado no Hospital de Emergência e Trauma da cidade. Pouco tempo depois, foi transferido para o Hospital das Clínicas, em São Paulo, onde foi submetido a cirurgias e ficou internado por cerca de cinco meses.

O motorista do caminhão envolvido no acidente, Jobson Clemente, foi condenado no mesmo ano a dois anos em regime aberto, pena que foi convertida em prestação de serviços à comunidade e pagamento de três salários mínimos. Em 2012, o Ministério Público chegou a pedir revisão da pena, considerada muito branda, mas o pedido foi negado em outubro de 2015.

Ainda em 2015, quatro anos após o acidente que o deixou em coma, Shaolin conseguia se comunicar e interagir com a família por meio de "expressões faciais e dos olhos", conforme relatou sua esposa na época. Mesmo assim, ele teve uma piora de seu quadro de saúde e morreu em 14 de janeiro de 2016, aos 44 anos, após uma parada cardiorrespiratória.

| Confira vídeo:

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Lucas Veloso (@lucasveloso_)


 

 

« Voltar

SUCESSO

VÍDEO: criança da Paraíba se apresenta no Programa Silvio Santos e viraliza

NA PARAÍBA

VÍDEO: Cachorro é resgatado por moradores após cair de ponte no Sertão da PB

Veja também...

NA PARAÍBA

UEPB abre seleção para provimento de vagas não preenchidas pelo SiSU 2024

EDUCAÇÃO

2º Festival de Pipas leva lazer e resgate de brincadeiras para crianças de Patos

NO SERTÃO

Alunos da Escola Cívico-Militar de Patos recebem novos uniformes