Compartilhe

Cristão será julgado após compartilhar testemunho de ser ex-gay

Por Gospel Prime    Segunda-Feira, 23 de Janeiro de 2023


Matthew Grech, de 33 anos, está sendo processado em Malta depois que compartilhou seu testemunho sobre deixar para trás relacionamentos homossexuais em uma entrevista com um meio de comunicação local.

De acordo com a imprensa local, Grech será julgado em 3 de fevereiro no Tribunal de Magistrados de Valletta por acusações relacionadas a “terapia de conversão”, que a proibição de compartilhar seu testemunho pessoal de libertação.

PUBLICIDADE

O crime segundo a lei maltesa é punível com cinco meses de prisão e multa de 5.000 euros.

A polícia apresentou queixa contra Grech, administrador da Core Issues Trust e X-Outloud, organização de apoio a pessoas LGBT que desejam seguir os caminhos de Cristo, depois que o homem compartilhou seu testemunho em uma entrevista em abril passado com PMnews Malta, um meio de comunicação local de liberdade de expressão.

Durante a entrevista, Grech disse que não concorda com o termo “terapia de conversão” e falou sobre sua visão pessoal “de que na Bíblia a homossexualidade não é uma identidade como a fazemos hoje em dia”.

“E também não é um sentimento, mas uma prática. Isso significa que não importa quais sentimentos sexuais um homem ou uma mulher esteja experimentando, se eles tiverem relações sexuais com uma pessoa do mesmo sexo, eles cometem o ato homossexual aos olhos de Deus, e isso é um pecado”, disse ele ao PMnews Malta durante a entrevista. 

“Assim como qualquer outro pecado, a pessoa pode se arrepender e pedir perdão a Deus e pedir a Ele força para vencer… Estou falando aqui de uma perspectiva cristã”, continuou.

 

A Bíblia condena a homossexualidade

Bíblia condena o relacionamento entre pessoas do mesmo sexo, apontando como um pecado (Gênesis 19:1-13Levítico 18:22Romanos 1:26-27; I Coríntios 6:9). Em diversas passagens bíblicas podemos ver claramente que essa é uma prática que não condiz com a vida cristã.

Em Romanos 1:26-27 podemos ver que a homossexualidade é resultado de negar e desobedecer a Deus. Assim, Deus abandona as pessoas que continuam no pecado, negando inclusive o que a Sua Palavra orienta.

Já em I Coríntios 6:9 vemos que os “transgressores” homossexuais não herdarão o reino de Deus.

Além disso, a Bíblia ensina que Deus não cria uma pessoa com desejos homossexuais, mas que isso acontece por causa do pecado (Romanos 1:24-27) e também que a pessoa escolhe viver essa prática.

PUBLICIDADE

Assim, está claramente evidenciado em Romanos 1:24-29, que isso é algo errado e deve ser evitado.

« Voltar

REVELAÇÃO

Papa Francisco diz que 'ser homossexual não é crime, 'mas é pecado'

DESVIO

Em apostasia, Igreja da Inglaterra pede desculpas para pessoas LGBT

Veja também...

NA PARAÍBA

Auditoria do TCE aponta nepotismo e investiga supersalário de genro do governador da Paraíba

NA PARAÍBA

Operação da Polícia Federal mira fraudes milionárias na Previdência em três cidades da Paraíba

NO SERTÃO

Secretária diz que Educação municipal de Patos tem foco na qualidade e excelência do ensino