Compartilhe

Ruthyana Camila é escolhida a melhor árbitra do Paraibano 2022

Por Antonio Silva - Patosonline    Quinta-Feira, 26 de Maio de 2022


Ruthyana Camila vem desenvolvendo um excelente trabalho na arbitragem Paraibana e brasileira e para coroar sua dedicação e competência, foi escolhida em votação realizada por importante veículo de comunicação de nosso estado com a melhor árbitra do Campeonato Paraibano 2022.

“Isso só mostra o quanto a nossa arbitragem está sendo valorizada. Graças a Deus eu tive as oportunidades, correspondi e fui premiada agora no final dessa competição” explicou a árbitra, que também atua apitando no futsal.

Com quase dez anos dedicados a essa profissão tão difícil e criticada, Ruthyana mostrou qualidades que a colocam hoje, no primeiro patamar do quadro de árbitros do futebol estadual e traz em seu currículo atuações marcantes e históricas com a primeira a mulher a apitar uma decisão de futebol profissional da Paraíba, quando em 2021 comandou o jogo entre CSP e Sport de Lagoa Seca.

Em março deste ano mais uma marca foi registrada na carreira da Potiguar nascida na cidade de Natal em 1995. Ela apitou o clássico entre Treze e Campinense pelo Campeonato Paraibano e saiu-se muito bem, sendo esta a primeira vez que uma mulher apitou o duelo entre Galo e Raposa.

Antes disso Ruthyana, que mora em Patos desde os seus 15 anos, já havia entrado para a história do nosso futebol ao apitar a partida entre Botafogo-PB e São Francisco-BA pela Copa do Brasil feminino em 2016 com apenas 21 anos.

São muitos feitos que credenciam Ruthyana Camila a se credenciar para projetos mais audaciosos como por exemplo na arbitragem internacional.

« Voltar

FORA DE CAMPO

Tendinite no joelho esquerdo tira Rodrigo Caio do Flamengo contra o Tolima

MUDANÇA

Projeto do Flamengo é construir seu estádio com a mesma capacidade do Maracanã

Veja também...

CONFIRMADO

Atores paraibanos são confirmados na novela de ‘Mar do Sertão’, da Globo

POLÊMICA

Secretário diz que mudança na cobrança do ICMS é medida eleitoreira e não vai resolver problemas

NO SERTÃO

Incêndio em galpão em Patos pode ter sido causado por fogos de artifícios de festejos juninos