Compartilhe

Clássico entre Botafogo e Vasco tem duelo particular dos técnicos

Por Globo.com    Terça-Feira, 9 de Outubro de 2018


O Nilton Santos vai receber a partir das 21h o clássico carioca dois times que estão mais desesperados com o rebaixamento. A noite pode ver o Botafogo se distanciar e respirar ou ver o Vasco ultrapassar o rival. Mas não é só isso que está em jogo. Técnicos que trocaram de time ao longo da competição, Zé Ricardo e Alberto Valentim têm, cada um, 23 pontos na competição. Hoje, um deles abrirá vantagem sobre o adversário. Em caso de empate, permanece o equilíbrio e também a preocupação de cada um dos lados.

Apesar da mesma pontuação, é Zé Ricardo quem tem o melhor aproveitamento, já que esteve à beira do campo duas vezes a menos do que Valentim (18 x 20). Seu desempenho de 42,6%, embora nada brilhante, seria o décimo melhor do Brasileiro. Enquanto isso, Valentim tem 38,3%, que seria a 13ª melhor campanha.

— Em um passado recente nos enfrentamos algumas vezes — lembra Zé Ricardo. — Conhecemos os elencos, a forma de trabalhar de um ou outro, mas uma ou outra situação pode ser colocada. Tanto Botafogo quanto Vasco precisam vencer.

A melhor passagem dos treinadores neste Brasileiro foi a de Valentim pelo Botafogo, em que deixou durante a paralisação da Copa do Mundo. Foram 17 pontos em 12 jogos. Agora, pode orgulhar-se de manter uma invencibilidade de quatro jogos.

— Enfrentei o Zé Ricardo várias vezes. Agora estamos do outro lado. Será um jogo de muita tensão, mas vamos fazer de tudo para sair com os três pontos — diz Valentim. — Conhecemos bem os times que trabalhamos, mas até um certo ponto, porque foram muitas mudanças. O futebol é dinâmico.

Mistério no Botafogo

Com os treinos fechados desde sexta-feira passada, quando o elenco se reapresentou após a eliminação na Copa Sul-Americana, Zé Ricardo fez mistério sobre o time que vai enfrentar o Vasco hoje. Apesar de não ter confirmado oficialmente, a tendência é que a base seja mantida em relação ao confronto diante do Bahia.

A única mudança deverá ser o retorno de Erik, que não está inscrito na Copa Sul-Americana, no lugar de Rodrigo Pimpão.

Lesionados, Leo Valencia e Jean continuam fora. O retorno pode ser na segunda-feira, contra o Ceará. Já Gustavo Bochecha e Luiz Fernando, substituídos por desgaste físico contra os baianos, terão condições de atuar normalmente e seguem no time titular alvinegro.

Mexida no Vasco

A serviço da seleção do Uruguai, Martín Silva abriu espaço para que seu reserva seja titular na partida de hoje. Fernando Miguel estará em campo no clássico em meio ao período de críticas e questionamentos que o uruguaio tem recebido na campanha ameaçada de rebaixamento no Brasileiro.

Será o sétimo jogo de Fernando Miguel pelo Vasco. O goleiro tem duas vitórias, um empate e três derrotas pelo time de São Januário na temporada e teve sua sequência enquanto Martín estava com sua seleção na Copa do Mundo. Após retornar da competição, o uruguaio passou a ser criticado pelo baixo número de defesas — de acordo com o site “Footstats”, ele é apenas o 18º goleiro com mais defesas difíceis na Série A.

Alberto Valentim não revelou a escalação do time. Além de Martín, Leandro Castán, suspenso, está fora.

« Voltar

MAIS REFORÇOS

Flamengo vai atrás de Gerson, veta incluir Lincoln na jogada e segue em tratativas com a Roma

DE CHEGADA

Corinthians avança em negociação e deve comprar Ramiro do Grêmio

Veja também...

NO SERTÃO

Beneficiários do Programa Bolsa Família de Malta recebem a 2ª Etapa de Peixes da Conab

BOA NOTÍCIA

DPVAT: valor do seguro obrigatório vai cair 63,3% em 2019

MISTÉRIO TOTAL

A teoria do fluido escuro, que tenta explicar a base de 95% do universo