Compartilhe

Veja o vídeo: Homem parou para comprar cigarro enquanto carregava corpo em carrinho de mão

Por G1    Terça-Feira, 25 de Agosto de 2020


Um novo vídeo mostra quando o homem, flagrado carregando um corpo em um carrinho de mão, para em uma distribuidora, compra um cigarro e volta a carregar a vítima, tranquilamente, pelas ruas de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. As imagens registradas pela câmera de monitoramento do estabelecimento registram que ele fica por cerca de cinco minutos no local, enquanto o corpo está dentro do carrinho.

O caso aconteceu no sábado (22). De acordo com o delegado Rogério Bicalho, moradores do Parque Veiga Jardim entraram em contato com a Polícia Militar informando que estavam desconfiados de um homem que caminhava pelas ruas do bairro empurrando um carrinho de pedreiro com uma mala e um lençol.

"Quando a PM chegou na rua, o homem já tinha fugido e deixado o carrinho no meio da rua. Nós acionamos a perícia, e foi constatado que dentro do carrinho, envolvido em um lenço e uma mala, estava o corpo de um outro homem", contou o delegado.

O Instituto Médico Legal de Aparecida de Goiânia identificou a vítima como Alexandre Marcena Vieira, de 24 anos. Segundo o delegado, a família da vítima deve ser ouvida nos próximos dias. O homem flagrado carregando o corpo também foi identificado e está sendo procurado pela polícia.

"Nós conseguimos localizar a casa do homem que aparece nas imagens. No local havia marcas de sangue. Conversamos com alguns vizinhos, e um deles informou que ouviu um barulho estranho durante a madrugada. No entanto, ainda não é possível apontar a motivação do crime", disse.

Ainda segundo o delegado, o homem tinha passagem por roubo e receptação. O nome dele não foi divulgado pelas autoridades policiais.

« Voltar

IMORALIDADE

Vídeo: Sem saber que estava ao vivo, pastor agride mulher em live

IMORAL

Sem máscara, Bolsonaro joga sinuca em bar e causa aglomeração no Ceará

Veja também...

TRAGÉDIA

Cantor baiano morre em acidente de carro momentos após postar selfie

RECLUSÃO

Pressão: Flamengo vive isolamento no Equador, mas não fica imune às cobranças

NO SERTÃO

Polícia detalha Operação que resultou na morte de quadrilha que explodiu banco em Coremas; R$ 28 mil recuperados