Compartilhe

Gangues querem erradicar Igreja na Colômbia: 'Inimiga do crime'

Por Gospel Prime    Domingo, 4 de Agosto de 2019


Igrejas evangélicas da Colômbia estão sofrendo com ataques violentos por parte de criminosos que atuam no país. Somente em Buenaventura, ao menos oito ataques violentos foram registrados.

Segundo a organização Portas Abertas, a oposição de líderes religiosos a criminalidade tem provocado a reação violenta de gangues e grupos guerrilheiros.

Os ataques contra os cristãos inclui destruição, violência, ameaças, extorsão, abusos e assassinatos. Duas igrejas teriam sido destruídas.

Buenaventura fica localizada em um lugar estratégico, pois possibilita fácil acesso a florestas e terras férteis, o que atrai o interesse de criminosos.

A pregação dos pastores sobre a possibilidade de mudança de vida através da Bíblia é um dos principais motivos para a reação das gangues.

Muitas ações das dessas gangues acontecem dentro do ambiente de culto, quando criminosos retiram fiéis para constranger e ameaçar.

Um pastor de 24 anos, chamado Leider Molina, foi assassinado no ano passado, quando saía de sua igreja, na comunidade rural de Caucasia.

O pastor foi alvejado cinco vezes por criminosos, por pregar contra o pecado e práticas criminosas. Outro pastor também foi assassinado na mesma região.

« Voltar

NOVO HOMEM

Fernandinho Beira-Mar escreve sobre Jesus Cristo e critica capitalismo em seu TCC

OPINIÃO

'Tatuagem não é pecado, mas pode carregar significado pecaminoso', diz pastor

Veja também...

IMPREVISÍVEL

STF deve decidir nesta semana se concede Harbeas Corpus a Dinaldo Filho

DISPUTA

Climão: Raul Gil perde espaço na TV para 'queridinhas' de Silvio

NA TELONA

'Nada a Perder 2' tira liderança de 'O Rei Leão' nas bilheterias