Compartilhe

Padre chama roupas sem gênero de satânicas

Por Gospel Prime    Domingo, 2 de Dezembro de 2018


A cantora Celine Dion lançou recentemente uma linha de roupas de “gênero neutro” e tem sido alvo de muitas críticas. Ela explicou que sua intenção, junto de seus parceiros da marca Nununu, era apresentar uma alternativa para os pais que “desejam libertar as crianças de seus papéis tradicionais de menino e menina”.

Enquanto ela preparava o lançamento da nova coleção de roupas infantis, lançou um vídeo promocional no Youtube, onde ela invade uma creche hospitalar cheia de bebês vestidos com as cores rosa e azul. Ela então assopra um pó preto sobre os bebês e então suas roupas mudam de cor instantaneamente, para preto e branco.

O comercial considerado “perturbador” pretende “apagar a distinção de gênero”. Entre vários detalhes, uma das roupinhas traz, em letras garrafais, a frase: “New Order” [Nova Ordem], um conhecido slogan político. A produção ecoa o conhecido argumento de que “gênero é uma construção”.

Para o padre John Essef, da diocese de Scranton, do estado americano da Pensilvânia, a iniciativa da cantora Céline Dion, de criar uma linha de roupas sem gênero para crianças, é “definitivamente demoníaca”.

O sacerdote que também já atuou como exorcista da Igreja Católica americana, fez várias afirmações contrárias ao pensamento transgênero. “Eu não sei quantos gêneros podem ter agora, mas somente dois foram criados por Deus”, afirmou ao National Catholic Register.

“Quando uma criança nasce, qual é a coisa mais natural que perguntamos? Se é menino ou menina. Isso é a coisa mais natural do mundo, mas dizer que não há diferença é satânico”, emendou. Ele defende ainda que as pessoas por trás dessa ideologia estão influenciando as crianças para uma desordem.

« Voltar

EM GOIÁS

Mulheres acusam médium João de Deus de abuso sexual

NOS EUA

Pastor é preso por segurar cartaz dizendo 'Deus ama você e seu bebê'

Veja também...

NO SERTÃO

Complexo Hospitalar de Patos realiza classificação de risco dos pacientes

NO SERTÃO

Hospital do Bem de Patos realiza 428 atendimentos nos três primeiros meses de funcionamento

NO SERTÃO

Mais 3 pessoas são presas na Operação Recidiva em Patos; veja os nomes