Compartilhe

STJ concede liberdade a prefeito de Tavares preso por exigir propina

Por Redação 40 Graus    Terça-Feira, 4 de Dezembro de 2018


O Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu liberdade ao prefeito do município de Tavares, que fica no Sertão do Estado, Aílton Suassuna (MDB), foi preso na última sexta-feira (30) durante a Operação República, realizada pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado do Ministério Público (Gaeco) em parceria com a Delegacia Especializada no Crime Organizado (Deccor).

A Justiça atendeu a um habeas corpus impetrado pelo advogado Aécio Farias. O ministro Edson Reis determinou a imediata soltura do gestor e do seu irmão Michael Suassuna. Eles são acusados de exigirem propina a um empresário para liberarem pagamento de dois veículos adquiridos pelo município.

Sem razões

Segundo o ministro, não há razões para a manutenção da prisão dos acusados porque preenchem os requisitos autorizadores para aguardarem a tramitação do processo em liberdade.

Aécio Farias disse que o ministro agiu acertadamente e aguarda que eles sejam absolvidos pela Justiça.

« Voltar

POLÊMICA

Vereador Capitão Hugo diz que está sendo perseguido após apresentação de projeto

NO SERTÃO

Advogado confirma que Dinaldo Filho não assinou notificação da Câmara de Vereadores de Patos

Veja também...

NO SERTÃO

Complexo Hospitalar de Patos realiza classificação de risco dos pacientes

NO SERTÃO

Hospital do Bem de Patos realiza 428 atendimentos nos três primeiros meses de funcionamento

NO SERTÃO

Mais 3 pessoas são presas na Operação Recidiva em Patos; veja os nomes