Compartilhe

Movimentos sociais pretendem realizar o Congresso do Povo na cidade de Patos

Por Jozivan Antero - Patos Online    Sábado, 9 de Junho de 2018


Avaliando o cenário nacional, que através da política praticada pelo presidente Michel Temer (MDB) retira direitos do brasileiro, percebendo o grave momento vivido no Brasil que tem presenciado o retorno da inflação e o retrocesso social, várias entidades e movimentos sociais decidiram no final da tarde desta sexta-feira, dia 08, organizarem o Congresso do Povo na cidade de Patos.

O evento foi coordenado por José Gonçalves, que é presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, Seção Paraíba (CTB/PB) e vice-presidente do SINFEMP. Para Gonçalves, o momento político e social no país exige mobilização dos trabalhadores conscientes também na cidade de Patos.  

A segunda reunião de planejamento aconteceu na sala de reuniões do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP) e contou com representantes da CTB/PB, UAC, FETRAN, UJR, UP, PCdoB, PT, PCR, MST, dentre outras. Durante o encontro houve unanimidade em afirmar que o Brasil caminha para um abismo social e está perdendo a soberania diante dos ataques do Governo Federal e dos seus aliados.

No encontro ficou definido que acontecerão 6 plenárias de discussões populares em bairros distintos da cidade de Patos. A partir do dia 4 de julho de 2018, a população estará tendo a oportunidades de debater e discutir no Bairro Belo Horizonte, Vila Cavalcante, Centro, Morro e no Distrito de Santa Gertrudes, além de culminar com o Congresso do Povo que será realizado na Associação Comercial e Industrial de Patos (ACIAP).

Na próxima quinta-feira, dia 14 de junho, as entidades e movimentos sociais estarão se reunindo mais uma vez às 16h00 no SINFEMP. O mês de junho será de planejamento das atividades e no mês de julho será a execução das plenárias que antecedem o Congresso do Povo.

 

« Voltar

NO SERTÃO

Ministro da Saúde estará em Patos nesta segunda-feira; confira a agenda

NA PARAÍBA

Defesa diz que Ricardo Coutinho é alvo de ‘representação política’ no caso Bruno Ernesto e não figura como réu

Veja também...

BOA NOTÍCIA

Flamengo anuncia banco digital como seu patrocinador master até o fim de 2020

NO SERTÃO

Vereador de Patos solicita voto de aplauso a Pinto do Acordeon

NO SERTÃO

Jovem de Quixaba tira a própria vida tomando veneno em São José de Espinharas