Compartilhe

Número de pontos de exploração sexual infantil sobe 84% nas rodovias federais

Por Jornal da Paraíba    Terça-Feira, 15 de Maio de 2018


A quantidade de pontos de exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias federais que cortam a Paraíba subiu 84% num período de quatro anos – o terceiro maior aumento registrado no período, atrás apenas dos estados do Ceará (aumento de 92%) e Roraima (91%). Os números fazem parte do estudo ‘Mapear’, que mapeia os pontos vulneráveis à prática do crime, e foram divulgados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta terça-feira (15).

Segundo o estudo, o número de pontos vulneráveis para exploração sexual – definida como o uso de crianças e adolescentes em relações sexuais comerciais – no Estado subiu de quatro no biênio 2013-2014 para 25 no período entre 2017 e 2018. Apesar disso, a Paraíba é o sexto estado do país com a menor quantidade de pontos de exploração, atrás do Espírito Santo (18), Distrito Federal (12), Acre (11), Amapá (9) e Roraima (5).

De acordo com o estudo, a região Nordeste é a mais suscetível à exploração sexual de menores: foram identificados 156 pontos críticos nas rodovias federais e 147 pontos de alto risco.

Nacionalmente, a PRF identificou 2487 pontos de exploração sexual de menores nas rodovias federais, o que representa um aumento de 21% em relação ao biênio 2013/2014 (1969). O estudou ressaltou, entretanto, que a quantidade de pontos críticos caiu de 566 em 2013/2014 para 489 em 2017/2018.

« Voltar

MAIS ALTO

Preço do gás de cozinha terá reajuste de R$ 5,00 na Paraíba

INVESTIMENTO

Número de academias de ginástica cresce 109% em 4 anos na Paraíba

Veja também...

SUCESSO TOTAL

Kevin Ndjana é escolhido pelo público e é um dos semifinalistas do The Voice Brasil

FORA DE JOGO

Jogadores da Série A passam por 54 cirurgias em 2018. Veja comparação

BELEROFONTE

Patoense presidente da Asdef admite ter transferido dinheiro da associação para sua conta pessoal