Compartilhe

Morre na Bica em João Pessoa, aos 20 anos, o leão Sadan

Por Portal Correio    Quinta-Feira, 8 de Novembro de 2018


Morreu, na tarde dessa quarta-feira (7), no Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica), em João Pessoa, o leão Sadan. Ele tinha 20 anos e há 14 integrava o grupo de espécies que vivem no parque.

De acordo com o diretor da Bica, Jair Azevedo, Sadan morreu enquanto era atendido por veterinários do parque e da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. O leão apresentava sintomas de falência dos rins desde o início da semana. Segundo Jair Azevedo, Sadan superou em cinco anos a expectativa de vida de leões.

“Notamos que Sadan estava com dificuldade de andar e urinando sangue, indícios de problemas nos rins. Fizemos o possível para salvá-lo. Uma equipe do Rio Grande do Norte veio para cá, trazendo equipamentos mais modernos. Uma ultrassom apontou que o estado de saúde dele já era grave. O leão foi medicado, mas não resistiu. Era realmente muito velho, já tinha vivido mais do que é esperado para a espécie dele”, explicou Jair.

Ainda conforme o diretor da Bica, Sadan chegou ao parque em 2004, aos seis anos, após ser resgatado de um circo no Ceará. Com a morte de Sadan, a leoa Leona, de nove anos, fica sozinha. A administração do parque já entrou em contato com outros zoológicos para tentar encontrar um outro leão para fazer companhia a ela.

“É um pouco difícil porque a maioria dos zoológicos só têm um casal e não é permitida a reprodução entre eles. Mas já procuramos lugares com leões excedentes e acreditamos que haverá resposta até o final da semana”, completou Jair Azevedo.

« Voltar

SEM SORTUDO

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 43,5 milhões na quarta-feira

Pagamento da segunda parcela do 13º pelo INSS começa no dia 26

Veja também...

OPORTUNIDADE

Locais de provas do concurso da Prefeitura de Patos serão divulgados nesta segunda (19)

PERTO DO TETRA

Perilima e Esporte de Patos decidem o título da Segundona neste domingo

PARAIBANO 2019

Índio Ferreira confirma acerto com o Nacional de Patos para o Paraibano 2019