Compartilhe

Coronavírus tem sido mais letal entre os homens de Patos, mesmo eles sendo minoria dos casos

Por Vicente Conserva - 40 Graus    Terça-Feira, 23 de Fevereiro de 2021


O sexo masculino continua sendo ampla maioria entre as mortes por Covid-19 na cidade de Patos, no Sertão da Paraíba. Desde o registro do primeiro óbito em março do ano passado, que os homens são as maiores vítimas da doença na Capital do Sertão.

Dos 131 óbitos confirmados até agora, 80 foram de homens e 51 mulheres. Ou seja, 61,06% das mortes são do sexo masculino.

No entanto, desde junho do ano passado que eles não são maioria no número de casos. De acordo com dados do Boletim Epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde de Patos, até esta segunda-feira (22), 5.207 mulheres haviam sido infectadas, ou seja, 55,85% dos casos, enquanto que 4.116 homens foram infectados pelo novo Coronavírus (44,15%).

Isso significa dizer que a doença tem sido mais letal nos homens. A taxa de letalidade pela doença entre eles é de 1,94%, enquanto que entre as mulheres patoenses está em 0,97%.

A Taxa de letalidade total na cidade está em 1,40% dos 9.323 casos registrados até agora. Ou seja, a letalidade entre os homens patoenses é maior que a média geral.

Para o cardiologista Wellington Onias, isto tem uma explicação: “Existe maior incidência de problemas cardíacos entre os homens, bem como eles se cuidam menos e estão mais expostos no dia a dia”, ressaltou ele.

Ele ainda citou como causas o fato dos homens não fazerem mais prevenção sobre determinadas doenças que são fatores preponderantes para o agravamento da doença levando o paciente a morte.

“Os homens também saem mais e se cuidam menos. As mulheres são mais cuidadosas com a saúde, como também com o vírus”, disse ele.

A maior parte das mortes continua sendo de pessoas idosas acima dos 60 anos. Veja os números abaixo:

96 foram acima de 60 anos - 73,28%

35 foram abaixo de 60 anos – 26,72%

39 foram acima de 80 anos – 29,77%

« Voltar

MUDANÇAS

WhatsApp libera chamada de voz e vídeo pelo computador

NO SERTÃO

Filho de vereadora que morreu de Covid em Teixeira é internado com 50% dos pulmões comprometidos

Veja também...

NO SERTÃO

Mãe de Pedro Neto mostra indignação e quer Justiça para morte do filho

DECRETO

Atacado por religiosos, governador reage sobre fechamento de igrejas

MUDANÇAS

WhatsApp libera chamada de voz e vídeo pelo computador