Compartilhe

Ex-procurador da CMJP e ex-secretária de Comunicação de Patos são selecionados para gabinete de deputado

Por Click PB    Quinta-Feira, 14 de Março de 2019


Foi encerrado na última semana o processo seletivo para contratação de funcionários no gabinete do deputado estadual Chió, em seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa. Ao todo, foram três pessoas selecionadas para os cargos de secretária parlamentar, assessora de comunicação e assessor de processos legislativos.

A ex-secretária de Comunicação da Prefeitura de Patos, Nayane Rodrigues, e o ex-procurador da Câmara Municipal de João Pessoa, Antônio Paulo Rolin e Silva, foram selecionados no processo. Já para o cargo de secretaria parlamentar foi selecionada a economista Edilene Dias.

Os selecionados começaram a desempenhar suas funções no gabinete de Chió na última quinta-feira (07). Foram cerca de dois mil profissionais inscritos na seleção para trabalhar no gabinete do deputado Chió.

“São muitos profissionais de excelência necessitando, apenas, de oportunidade para ajudar na eficiência administrativa, a partir de suas experiências e habilidades técnicas. Podem apostar e acompanhar iremos legislar para criar oportunidades durante todo o nosso mandato”, garantiu o deputado.

Confira o resultado da seleção:

Secretaria Parlamentar – Edilene Dias: Economista, Especialista em Gestão e Planejamento Estratégico. Especialista em Economia Pública. Mestre e Doutora em Recursos Naturais.

Assessoria de Comunicação – Nayane Rodrigues: Comunicóloga com Habilitação em Jornalismo. Especialista em Assessoria de Comunicação. Mestranda em Comunicação e Culturas Midiáticas. Ex-Secretária de Comunicação da Prefeitura de Patos.

Assessoria de Processos Legislativos – Antônio Paulo Rolin e Silva: Advogado. Especialista em Direito Público pela UNISUL - SC. Ex-Procurador-Geral da Câmara Municipal de João Pessoa.

« Voltar

IMORAL

Sttrans de Patos pinta faixa de pedestre em 'X' e conserta erro após denúncia do 40 Graus

POLÊMICA

Projeto de lei quer que mulheres se afastem do trabalho por três dias do mês durante menstruação

Veja também...

CONFIRMADO

Bolsonaro visita Pernambuco na próxima sexta e se reunirá com João Azevêdo e governadores do Nordeste

PREOCUPAÇÃO

Número de feminicídios em abril sobe 50% em relação ao primeiro trimestre de 2019, na Paraíba

CARAS E BOCAS

Luxemburgo chuta esparadrapo, gesticula e sofre na estreia no Vasco