Compartilhe

Eduarda Brasil diz ter orgulho de levar forró para todo o país

Por Jornal da Paraíba    Quarta-Feira, 6 de Junho de 2018


Com seus 16 anos, a cantora Eduarda Brasil saiu da Zona Rural de São José de Piranhas, no Sertão paraibano e conquistou os brasileiros durante a edição 2018 do The Voice Kids. E na última sexta-feira (1º), a jovem lançou seu primeiro EP que leva como título seu próprio nome. “Acredito que faltava alguém que não tivesse vergonha de ser quem realmente é”, disse. Segundo ela, representar a Paraíba e levar o forró para todo o Brasil foi uma experiência única que envolveu coragem e amor pela sua cultural. “Quando você se entrega de corpo e alma você é respeitado por isso”, completou.

Intitulado ‘Eduarda Brasil’, o EP tem uma gravação com a cantora manauara Márcia Fellipe, que é o carro-chefe do álbum. “Eu convidei Mácia para gravar comigo porque sempre admirei o trabalho dela e fiquei muito feliz por ela ter aceitado de primeira”, contou. A música, “Amiga que Presta”, traz um ritmo diferente do que os brasileiros estavam acostumados. Ela, assim como o EP inteiro, apresenta um repertório de forró eletrônico (ou estilizado), com influência clara da sofrência sertaneja.

Essa nova faceta da jovem apareceu por uma certa liberdade que o EP trouxe a ela. “O programa [The Voice Kids] era mais família e eu queria defender minhas origens, minha cultura. No EP eu quis trazer algo novo e acredito que consegui”, explicou garantindo que nos shows ela vai tocar os dois estilos de forró para agradar ao máximo o seu público. Apesar de trazer um novo estilo, o EP traz o cover da hit da Banda Magníficos, “Verdadeiro Amor”. “Sempre fui apaixonada pelo forró das antigas, esse forró mais romântico e fiquei feliz de gravar esta música”. A versão de Eduarda está diferente da original, mais modernizada para combinar com o estilo do álbum.

Dois mundos

A jovem, ainda estudante do Ensino Médio, precisa dividir sua vida dupla e conciliar os estudo com shows e gravações. “Estou tentando separar essas duas ‘Eduardas’, a cantora e a estudante, e tem dado certo”, afirmou. Segundo ela, a produção tem o cuidado de marcar shows e compromissos apenas nos finais de semana. “É cansativo e bem corrido, mas, também, muito gratificante”. Ela acredita que a rotina vai ficar mais intensa agora nas férias, já que ela vai ter mais tempo livre para os compromissos artísticos. A vida dupla segue ela até no futuro. Eduarda pensa em cursar Matemática, porém, isso só será possível se a nova carreira permitir. “Tudo está fluindo bem até agora, então penso sim em seguir a carreira artística”.

« Voltar

PRIMA FACIE

Primeiro disco de Zé Ramalho é relançado com participação de banda paraibana

NA TELONA

'Uma quase dupla' não consegue ser nem quase engraçado

Veja também...

NA PARAÍBA

Três homens são assassinados dentro de uma casa na cidade de Nova Floresta

LINDO

Roberto Carlos lança dueto em espanhol com Alejandro Sanz; ouça 'Esa Mujer'

SEM SORTUDO

Mega Sena concurso 2.061: ninguém acerta e prêmio vai a R$ 72 milhões