Compartilhe

Quatro filmes paraibanos concorrem em festival de cinema no Rio de Janeiro

Por Click PB    Terça-Feira, 8 de Outubro de 2019


O Festival Curta Cinema anunciou sua seleção oficial de filmes que serão exibidos ao longo do evento, que acontece entre 30 de outubro e 6 de novembro no Estação Net Botafogo, Cinemaison e Cinemateca do MAM. 

A seleção de 153 filmes foi feita entre os 3400 curtas recebidos, vindos de 35 países e de 13 estados brasileiros, além do Distrito Federal. Quatro produções da Paraíba estão incluídas no evento - confira a programação completa aqui.

Produções paraibanas

Os filmes paraibanos na Competição Nacional são "Auto Falo", de Caio Dornelas e "A Ética das Hienas", de Rodolpho de Barros.

Na lista de Programas Especiais: Em Trânsito, tem a produção "Brasil, Cuba", de Bertrand Lira e Arturo de la Garza.

E a Interzona - Prêmio Itamaraty traz "Caranguejo Rei", de Matheus Farias e Enock Carvalho.

Divisões

Os curtas foram distribuídos pelas competições Nacional e Internacional, pelos Panoramas - Carioca, Brasil e Latino Americano - e pelas mostras especiais - Primeiros Quadros, Em Trânsito, Interzona e Infanto-Juvenil.

Entre os filmes selecionados pelo comitê, destaque para a estreia nacional do novo filme da cineasta Daniela Thomas, - que já teve um longa metragem em competição do Festival de Cannes - 'Tuã Ingügu (Olhos D'Água)'; 'Xandoca', do cineasta indígena Takumã Kuikuro, premiado no Festival Curta Cinema de 2006; 'Extratos' novo curta da cineasta Sinai Sganzerla, que apresenta um belo registro de imagens feitas pelo seu pai, o cineasta Rogério Sganzerla, com sua mãe, Helena Ignez. Além de 'Estrondo', novo curta do cineasta carioca Felipe Nepomuceno e 'O Muro Era Muito Alto', do animador Marcelo Marão, que serão exibidos na abertura do festival, no próximo dia 30 de outubro.

Na competição internacional, curtas que passaram na seleção oficial 2019 de festivais como Cannes, Veneza, Locarno e Berlim.

Nesta edição, o Curta Cinema apresenta duas mostras de curadoria convidada: pelo segundo ano consecutivo, a pesquisadora Laís Rodrigues elaborou um programa especial para sua Mostra VIDEOERA. E, pela primeira vez, com curadoria do Hernani Heffner, em parceria com a Cinemateca do MAM, o festival exibe a Mostra "Tesouros do Curta em 35mm",  filmes em películam, na Sala da Cinemateca.

Entre as mostras paralelas à competição, está o Panorama Brasil, que apresenta uma abrangência maior da produção nacional entre 2018 e 2019, com filmes premiados e outros selecionados para o público carioca. Em Primeiros Quadros, o festival dá oportunidade aos primeiros filmes de novos realizadores, já o programa “Em Trânsito”, aborda o olhar do Brasil sobre o estrangeiro a partir das perspectivas dos realizadores, enquanto a “Interzona”, exibe filmes com a temática horror.

Para o público jovem, o Festival apresenta os programas Infanto-Juvenil e  Infantil, que, mais uma vez, tem seu line up proposto pela organização do Dia Mundial da Animação.

Além das mostras e programas, o Curta Cinema oferece atividades paralelas como uma  Masterclass de Direção ministrada por Sandra Kogut, e as oficinas do “Mercado Curta Cinema” - Oficina de Desenvolvimento de Documentário, Storytelling e Realidade Aumentada. As inscrições para tais atividades devem começar na semana que vem.

« Voltar

FESTA GRANDE

São João de Patos 2020 terá como referência a festa de Campina Grande

HOMENAGEM

ALPB aprova medalha Gabriel Diniz para homenagear artistas que representem a Paraíba

Veja também...

INSTAGRAM

Famosos pedem apoio ao Nordeste após manchas de óleo atingirem praias

REDES SOCIAIS

Internautas detonam participação de Maisa no Mais Você: ''Só isso?!''

MUDANÇA

Mariana Ferrão conta o verdadeiro motivo de ter saído da Globo: ‘’Teve que acabar’’