Compartilhe

Homem atropelado há 15 dias em Patos, morre no Hospital de Trauma em Campina Grande

Por Redação com Folha Patoense    Terça-Feira, 13 de Março de 2018


O servente de pedreiro João Medeiros da Cruz, conhecido como João Bosco, de 60 anos, morreu após complicações no seu estado clínico em decorrência de um acidente ao qual foi vítima, na tarde do dia 27 de fevereiro, quando trafegava de bicicleta nas proximidades do Restaurante Boca a Boca, na Rua do Prado, em Patos. João foi atropelado por uma motocicleta.

Naquele dia, João Bosco foi atendido pelo Samu e levado para o Hospital Regional de Patos, mas dada a gravidade do seu estado de saúde, já que sofreu traumatismo craniano, foi levado para a UTI do Hospital de Emergência e Trauma, em Campina Grande, onde faleceu por volta das 6h, da manhã desta segunda-feira(12).

Ele era casado há 33 anos com a dona de casa Eliete Soares da Silva, uma união que gerou três filhos. O casal residia na Rua da Baixa, em Patos, nas proximidades do conhecido João da Quitanda.

O corpo está sendo trasladado para Patos e o velório será realizado na residência da mãe dele no Bivar Olinto. O sepultamento será realizado nesta terça, 13/03, em Catingueira, em horário ainda não informado pela família.

Segundo a família, o motoqueiro fugiu sem prestar socorro e até hoje não foi localizado.

« Voltar

NO SERTÃO

Alunos de São Mamede passam por avaliação do Programa SOMA - Pacto pela Aprendizagem na Paraíba

NO SERTÃO

Prefeito Nêgo De Guri vistoria início de reforma da UBS do Bairro Água Azul, em Teixeira

Veja também...

CAOS TOTAL

Vereadoras denunciam caos em creche de Patos e são impedidas pela direção de entrarem para fiscalizar

NO SERTÃO

Fátima Bocão cobra da prefeitura combate ao excesso de insetos na Feira Livre de Patos

NA CHEGADA

Bonifácio Rocha frustra expectativas e anuncia permanência do cunhado de Dinaldo no governo; outros nomes o 40 Graus antecipa